Vida Saudável- Me Acompanhe Nessa Jornada a Partir de Hoje e Conheça a Minha História

Olá pessoas lindas! A algum tempo eu queria fazer esse post mas não tinha coragem de começar, porque sabia que selaria um compromisso com todos que me acompanham. E hoje resolvi soltar esse projeto para o mundo, porque nas últimas semanas eu queria mudar meu estilo de vida e me tornar uma pessoa mais saudável, ter mais qualidade de vida e hoje quero dividir essa mudança com vocês a partir de agora!

Screenshot_2017-09-27-15-46-40-01 Diário saudável Saúde e Bem-estar Todos

 

Vou contar um pouquinho da minha história…

Sempre sofri com as gordurinhas extras e não me sentia bem com meu corpo. Durante a adolescência (15- 17 anos) eu comecei a induzir o vômito, porque eu me sentia culpada por não ser uma pessoa “normal”, pensava que ninguém iria gostar de mim, teriam vergonha por andar com um “monstro”. Sim, era assim que eu me via.

Eu não induzia o vômito com frequência, era somente quando a culpa era tanta, mais tanta que eu precisava me livrar daquilo. Muitas vezes, eu vomitava sem fazer esforço! No começo vomitar não era fácil, mas depois fui me acostumando e vendo que eu conseguia emagrecer fazendo isso. Ai ficou muito fácil! A frequência foi aumentando, até que um dia começou a sangrar, fiquei desesperada e resolvi não fazer mais aquilo. Afinal os resultados não eram tão bons assim, pelo que via na internet as meninas perdiam muito peso em pouco tempo.

Nesse período pensei em laxantes, tomei algumas vezes mas as cólicas que eu sentia e o medo de passar vergonha na frente do colégio todo era maior e desisti. Quando eu desistia era muito pior. A sensação de fracasso me sufocava, me fazia sofrer e eu engordava mais. Estava aprisionada em um corpo que não era o meu. Assim eu achava! Mas uma hora tudo mudou…

Quando entrei na faculdade eu estava tão feliz que comecei a emagrecer naturalmente, sem dieta ou sofrimento. Mas, eu não fiquei no meu peso “ideal” porém eu estava feliz, me sentia muito bem com meu corpo e estava super segura.

No meu segundo ano de faculdade eu comecei a namorar sério. Para muitas meninas esse seria um momento maravilhoso, mas para mim não! Estive em um relacionamento abusivo por 3 anos e engordei aproximadamente 30 kg, estava sem autoestima, amargurada, triste – vou fazer um post sobre o assunto em breve-. O tempo foi passando e eu fui melhorando,mas a relação com o meu corpo não era das melhores.

No último período da faculdade eu estava muito feliz novamente! Apesar de cansada por conta do estágio, TCC e relatórios, eu estava feliz por concluir mais uma missão. Enfim, seria Médica Veterinária e  para a minha felicidade ficar completa eu fui convidada para fazer Mestrado acadêmico e passei. Eu era a pessoa mais feliz do Mundo e consequentemente, voltei a emagrecer e me cuidar mais.

O período do meu mestrado foi muito enriquecedor, a minha orientadora e a equipe do laboratório eram maravilhosos. São pessoas que tenho grande carinho até hoje! Mas, eu não estava bem, estava insegura, muito ansiosa. Foi um período que me desgastei muito e adivinha só….voltei a engordar!

No final do meu mestrado eu comecei a namorar  e hoje posso dizer que tenho um relacionamento saudável.

Quando terminei o mestrado, voltei para a casa dos meus pais e refleti sobre minha vida, conquistas, como eu me sinto hoje, etc. Esses momentos reflexivos foram os maiores impulsionadores para a criação do blog, porque tenho certeza que muitas pessoas se identificam com isso.

Apesar de estar acima do peso, esse é o período que eu mais me amo! Hoje eu não sou um Monstro, sou a Renata. Sou feliz do jeito que eu sou, identifico meus pontos positivos e negativos e resolvi fazer terapia – não paro mais-.

Ai você deve estar se perguntando: “Renata, se você se aceita e ama o seu corpo porque está fazendo dieta reeducação alimentar?”.

Justamente por me aceitar e me amar eu quero melhorar a minha saúde. Por isso que não estou fazendo dietas milagrosas e tomando remédios. Não estou preocupada com quantos quilos vou perder por mês, mas  como me sento em todos os aspectos, buscar ter consciência corporal e ser uma pessoa saudável.

Falarei a verdade para vocês! Quais são os pontos que acho fáceis e  difíceis, dias que eu vou meter o pé na jaca e como me senti, quando eu acordo animada para ir para acadêmia ou quando quero assistir netflix. Até porque sou humana e mudar hábitos que estão comigo a  26 anos requer tempo e dedicação. Não serei a super fitness do dia para a noite, mas vou tentar conseguir e fazer o meu melhor!

Vou fazer postagens semanais aqui no blog e diariamente no meu Instagram. Assim, vocês ficam pertinho de mim para trocarmos dicas saudáveis, dúvidas, relatos inspiradores, etc. Topam fazer esse projeto de vida saudável comigo?

➡  Ainda não dei um nome para o projeto, estou aceitando sugestões e estou estudando a ideia de fazer uma série no youtube! O que acham?

Aguardem cenas do próximo capítulo!

Screenshot_2017-09-27-15-45-39-01 Diário saudável Saúde e Bem-estar Todos

Beijos, beijos

(Visited 40 times, 1 visits today)