Você Sabe Quantas Pessoas Cometem Suicídio? #CampanhaEscolhaViver

Olá pessoas, começamos um mês especial porque é o Setembro Amarelo e é comemorado o Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio (10/09). Os próximos 30 dias são dedicados para falar, promover ações, discussões e informar à todos sobre o Suicídio.

Quem acompanha o blog sabe que desde  o dia 10 de agosto O Mundo Delas criou Campanha Escolha Viver em colaboração com o Saúde das Emoções, o que nos levou a criar essa campanha foi a preocupação que nós temos com a saúde física e mental, bem-estar e acima de tudo com a Vida.

💡 Saiba como surgiu a Campanha Escolha Viver 

unhappy-girl-sitting-on-the-floor_1150-425 Campanha Escolha Viver Todos
fonte: Freepik

Vocês devem estar pensando “A que legal essa ação, mas por que o suicídio?”. Não sei se vocês notaram, mas nos últimos anos as notícias de casos estão se espalhando e aumentando com uma velocidade assustadora.

Segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), no ano de 2014 o número de casos ultrapassaram a marca de 800 mil por ano, isso representa 1 morte por suicídio a cada 40 segundos. Assustador, não?

A OMS estima que a média global de suicídio é de 11,4 por 100 mil habitantes, entre elas 8,8 são entre homens e 2,2 entre mulheres. No Brasil, a faixa etária com maior incidência é  de  30  a 39 anos, sendo 1.768 suicídios entre homens e 480 entre mulheres.

Estima-se que ocorram 24 suicídios por dia no Brasil, mas o número de tentativas é 20 vezes maior e 90% dos suicídios estão relacionados com transtornos mentais e o preconceito com essas doenças que impedem o indivíduo procure ajuda.

11 Campanha Escolha Viver Todos

 

Por que os Homens?

Casos de suicídio em homens são até 3 vezes maiores em países desenvolvidos, porém o número de tentativas são em sua maioria entre as mulheres. Isso ocorre pelo método que os homens escolhem, geralmente são mais letais como arma de fogo e enforcamento.

A forma escolhida para cometer o suicídio está ligado a aspectos culturais e acessibilidade. Os Estados Unidos (13,7/100 mil) o principal método é a arma de fogo, por ser facilmente adquirida no país. Na Ásia, especialmente em regiões rurais da China e Índia a ingestão de pesticida é o método mais utilizado.

man-fired-from-job-sitting-sad-outside-office_1357-270 Campanha Escolha Viver Todos
fonte: Freepik

Jovens

No Brasil os casos de suicídio crescem de forma constante, principalmente ente os jovens, que a cada 200 tentativas 1 é concluída . Observou-se que nos últimos 12 anos ocorreu um aumento de quase 10% no número de casos entre a faixa etária de 15 a 29 anos, somente no ano de 2014  o suicídio causou a morte de 2.898 jovens no país.

Segundo dados do Mapa de Violência de 2017,com base no estudo realizado anualmente a partir de dados oficiais do  Sistema de Informações de Mortalidade (SIM) do Ministério da Saúde, a taxa de crescimento de casos de suicídio do ano de 1980 até 2014 chegou a 27,8%.

Os fatores que levam jovens cometer suicídio são: lares desfeitos, cyberbullying e bullying, aumento do consumo de drogas e alcoolismo, necessidade desenfreada pelo consumo, o imediatismo, a intolerância pelas frustrações e a incapacidade de lidar com elas.

woman-sitting-with-her-head-resting-on-her-knees_1150-332 Campanha Escolha Viver Todos
fonte: Freepik

Idosos

Entre idosos de 65 a 70 anos o número de suicídio é ainda maior, principalmente entre homens. Isso ocorre pela perda da autonomia, problemas de saúde, doenças crônicas e incuráveis, morte de pessoas próximas, viuvez, distanciamento de filhos e netos.

Nessa faixa etária a cada 4 tentativas 1 suicídio é efetivo, isso ocorre porque idosos planejam por mais tempo o  ato, por isso conseguem concluir e a depressão atribui 70%  desses casos, além de psicoses e abuso de álcool.

A sociedade médica alerta a ocorrência de “suicídio passivo-crônico”que é o suicídio lento que não é claramente manifestado. Esse tipo de suicídio ocorre quando o paciente recebe o diagnóstico de uma doença crônica e/ou progressiva  que não tira a capacidade cognitiva. Durante esse período o idosos se recusa a se alimentar, usar medicamentos e têm atitudes os deixam em risco.

old-man-thinking_1122-444 Campanha Escolha Viver Todos
fonte:Freepik

População Indígena

As comunidades indígenas de todo o mundo são vítimas de suicídio. Dados do Ministério da Saúde de 2000 a 2005 mostra que  a taxa de casos é 19 vezes maior, quando comparada com a média nacional. Nos Estados do Centro- Oeste e Norte observa-se uma alta taxa de suicídio em jovens, quando comparada a outros Estados, no Mato Grosso do Sul a taxa é de 13,6 e Amazonas 11,9, isso ocorre pelo aumento de casos entre indígena.

No Canadá entre o povo Inuit (esquimós), chega a ser 11 vezes maior que a média do país. O rompimento das tradições, alcoolismo, perda da identidade cultural e isolamento  social contribui para esses números.

sad-indian_2571757 Campanha Escolha Viver Todos
fonte: Freepik

Por dados como esses, falar de suicídio é tão importante. Pessoas com pensamentos suicidas apresentam sinais de alerta verbais e comportamentais, fique atento a todos eles.

O lema da nossa campanha é ” Busque ajuda, seja a ajuda”, porque a melhor forma de ajudarmos é falar sobre o assunto, quebrar tabus e mostrar o quão é importante o tratamento das doenças mentais. Saiba como ajudar Aqui.

Faça parte dessa campanha. Porque o dos nós lutamos pela Vida!

 Beijos,beijos

 

 

Links: Agência Brasil, BBC Brasil, G1ONUPortal Saúde SUS, Revista Unesp

(Visited 77 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta