Depressão- A Importância da Família no Tratemento (Parte 2)

Olá Pessoas! Como prometi semana passada, todas as terça-feiras serão destinadas a uma série sobre a depressão.

Muitos sofrem com a doença e tem dúvidas, pessoas próximas não acreditam nessa doença, criticam, fazem piadas, entre outros. Mas, em especial a família, tem um papel fundamental para o tratamento da depressão e é sobre isso que vamos falar.

Alguns estudos comprovam que pessoas deprimidas são submetidas a sentimento de rejeição ou julgamentos negativos por parte de terceiros, quando comparado com pessoas não deprimidas. Essa reação dos familiares agravam ainda mais o sentimento de desesperança e a baixa auto-estima.

Depressão-Você Realmente sabe o que é? (Parte 1)vector-big-happy-family-great-grandfather-great-grandmother-grandfather-grandmother-dad-mom-daughters-and-sons_1441-363 Comportamento Saúde e Bem-estar Todos

Como a família pode ajudar?

Quanto mais a família conhecer a doença, mais estarão preparados para apoiar e auxiliar quem sofre de depressão. Saber o que é a doença, quais os sintomas, os tratamentos e compreender como a pessoa se sente diante da doença, torna essa jornada menos árdua para todos.

As terapias e aconselhamentos são benéficos para todos da família, por ajudar a entender os aspectos relacionados a doença, aprender a estratégia de comunicação mais eficaz e a melhor forma de combater a depressão em casa. Ao buscar ajuda, todos se sentem mais seguros para lidarem com a situação.

F100010747 Comportamento Saúde e Bem-estar Todos

 Como apoiar um familiar com depressão? 

Muitos familiares não reconhecem que a pessoa está sofrendo e acabam criticando, censurando e menosprezando o seu sofrimento. Isso piora cada vez mais o quadro! Infelizmente a dor e o sofrimento não são mensuráveis, cada ser humano reage de uma forma diferente. Então, não espere que a pessoa vai acordar em um lindo dia de verão e curada, nem que o tratamento da vizinha vai ser tão eficaz, quanto foi para ela. Os motivos que desencadearam a doença foram outros, as pessoas são outras. Não cabe comparação quando o assunto é depressão.

A demonstração de carinho e afeição é fundamental para o tratamento, pois a pessoa se sente amparada, amada e segura. Não poupe esforços quando o assunto é estimular o tratamento e a recuperação, sempre estenda a mão.

Ajudar a pessoa manter-se ocupada e ativa e manter o relacionamento o mais normal possível, faz diferença no tratamento. Não será todos os dias que a pessoa estará disposta para fazer atividades rotineiras, mas não critique e sim estimule e motive. Critica e estimulo são coisas bem diferentes!

Sempre fique atento quando o assunto é suicídio. Leve a sério conversar e os aos sinais de suicídio! Falamos sobre isso durante um mês na Campanha Escolha Viver.

sad-woman-crying-next-to-her-therapist_1098-1924 Comportamento Saúde e Bem-estar Todos

Pessoas deprimidas querem ser ajudadas?

Para algumas pessoas, pedir ajuda não é uma tarefa fácil. Pessoas deprimidas podem se sentir culpadas pelo que está passando e pensam ” Já causei muitos problemas”, porém outras estão tão deprimidas e sem esperanças que param de buscar ajuda e pensam nada fará diferença, apenas trará mais incomodo.

Mais uma vez, a compreensão e infirmação sobre a doença é fundamental para lidar com a situação. Tranquilize as pessoas quem você gosta, dizendo que ter depressão não é um sinal de “fraqueza”e que é uma doença que requer tratamento, como qualquer outra e procurar tratamento não é motivo para se envergonhar.

man-with-a-piece-of-paper-with-question-marks_1134-556 Comportamento Saúde e Bem-estar Todos

Se você tem um familiar com depressão, mude a sua percepção em relação a ele, compreenda e ente entender o que ele está passando. Afinal, sofrer não é uma escolha dele.

Visitem a Associação Brasileira de Psiquiatria e saiba mais sobre o assunto.

Beijos Beijos

(Visited 48 times, 1 visits today)