Passei Quatro Vezes por Transição Capilar e te Conto Tudo!

Olá Pessoas! Essa é uma postagem muito especial, que tenho certeza que vai servir de inspiração para muitas pessoas que passam pela transição capilar. Vou contar a minha história para vocês, pois passei muitas vezes por essa experiência.

Quando eu era nova escutava elogios “Nossa que cabelo lindo!” e alguns comentários como “Nossa você é tão branquinha, pena que nasceu com cabelo de neguinha”. Mas, na minha época não existia bullying e muito menos esses produtos para cabelos cacheados.

Quando eu era mais nova, minha mãe penteava o cabelo seco, não existia creme para pentearou creme de hidratação. Me lembro de 2 produtos para cabelo, o neutrox amarelo ou acquamarine -era um luxo essa marca-. Sou da época que lançou o condicionador e shampoo na mesma embalagem, o famoso 2 em 1. Resumindo, não tinha cabelo cacheado e bonito naquela época.

Direto do túnel do tempo….. #recordando #crianças #renatababy #style

A post shared by Renata Khodair (@renatakhos) on

Para as pessoas que preferem vídeos, eu contei como foi aqui e mais detalhes estão na postagem.

Com o avanço da tecnologia lançou cremes para pentear, em especial para cabelos lisos que prometiam deixar o cabelo de oriental. Pedi para minha mãe comprar e passava um monte -na minha cabeça, quanto mais eu passava, mais liso ficava-, pegava a escova e dalê esticar. Penteava como se não houvesse amanhã e deixava secar. Imagina o cabelo duro, colado no couro e dividido no meio. A treva!

Quando tinha 12 anos, lançaram um produto revolucionário, maravilhoso chamado relaxamento! Um treco fedido, ardia a cabeça, esquentava e prometia deixar o meu cabelo menos cacheado. Fazia de sexta-feira depois da escola, porque o cheiro era tão intenso que passava o final de semana todo com aquele cabelo cheirando… não sei definir aquele cheiro. Resultado final, cabelo duro, seco, opaco, mas menos cacheado.

Deixei meu cabelo crescer, porque não era compatível com nenhuma química e queria deixar o cabelo liso a qualquer custo. Aos 12 ou 13 anos eu passei pela minha primeira transição capilar! Mas, não foi tão difícil porque o cabelo ainda estava bem cacheado.

Lembro que comprei um creme da Skala de 1kg para fazer banho de creme, aquela babosa marota e os testes com produtos caseiros. Comecei a me tornar a rainha das hidratações caseiras. Mesmo assim, eu não sabia cuidar do meu cabelo e ele continuava mais ou menos.

Com os meus 15 anos, conheci a progressiva e achei que meus problemas tinham acabado. Enfim seria lisa e maravilhosa! A primeira vez, ficou lindo aqueles cachos definidos e soltos, na segunda cabelos de capa  de revista, a raiz lisa e cachos lindos nas pontas. Dava até para bater cabelo a noite toda! Estava tão feliz que falei para o profissional, “Quero meu cabelo assim, não quero que alise mais!”, ai ele falou…“Vamos fazer essa outra progressiva que só vai manter o seu cabelo e não vai alisar!”. Descobri o que era corte químico naquele dia.

Chorei largada, pensei que ficaria careca! Meu cabelo caia aos tufos, embolou e danou com tudo. Cortei no ombro e fiz tratamento intensivo ate recuperar. Nesse momento passei pela segunda transição capilar! A mais traumática.

Pessoas normais pensam “Não faço mais química, vou deixar o meu cabelo natural!” , mas eu nunca disse que eu era normal kkkk…começo da minha faculdade decidi que ele seria liso novamente! Tasquei Hená nele, fiquei com cabelos pretos, brilhantes, um pouco seco, mas fazíamos hidratações caseiras junto. Fiz 3 anos e meu cabelo ficou com umas ondas, na cintura e bem pretinho.

527129_4380872922672_1028185795_n Beleza Todos

Quando terminei o relacionamento de  3 anos eu resolvi mudar e vamos para a nossa terceira transição capilar!! Terminei a faculdade, saiu toda a hená, afinal não queria outro corte químico na minha vida. Chorei muito quando fiz o BIG CHOP, mas me recuperei.

Quando estava estava prestando o mestrado queria mudar de novo! Nova fase, cabelo novo e porque não cor nova? Fiquei loira e lisa! Fiz mechas e meu cabelo não estava com os cachos bonitos, então decidi fazer selante que alisa e dá uma levantada no cabelo. Ai fiquei assim…

#fds #comecando #sabado #mulheradareunida #vamosquevamos

A post shared by Renata Khodair (@renatakhos) on

Bem loira e bem lisa! Cabelo no meio da cintura, maravilhosa! Quando consegui atingir meu objetivo eu cansei e queria meus cachos de volta, mas queria ser loira e então comecei a quarta transição capilar! Dessa vez foi a que mais senti diferença de textura, afinal consegui ficar com meu cabelo bem liso, mas era a que eu estava mais feliz. Depois de três transições, essa de fato foi uma escolha minha! Eu estava preparada para enfrentar todas as mudanças.

Eu gosto de mudar, isso é fato! Então, além de decidir começar a transição eu cansei do loiro e fiquei ruiva. Confesso que durou um mês, não queria detonar mais meu cabelo!

Cansei do loiro!!!!! Nova fase…começando aa mudanças… #ruiva #hair #acobreado #mudança #fase

A post shared by Renata Khodair (@renatakhos) on

Logo resolvi voltar 100% as origens, ficando cacheada e morena! Passei por momentos difíceis, fiquei com cara de descuidada, mas não podia fazer o big chop com o cabelo muito curto. Ficaria muito pior! Eu fui adepta as texturas, muitas texturas! Fui conhecendo o meu cabelo e não usava babyliss ou qualquer coisa que poderia atrapalhar a saúde dos fios.

Hoje estou 100% cacheada e morena, sem química nos meus cabelos, com eles bem cuidados e amando até quando ele resolve acordar de mau humor! Vi que toda as minhas transições fizeram parte do meu processo de aceitação e agora tenho certeza que não preciso seguir padrões, porque eu me amo do jeito que eu sou.

Não importa se o cabelo é cachado, munha, carapinha, de neguinha e qualquer outro nome que quiseram dar ao meu cabelo. Nada disso importa! O que importa é que agora eu sou cacheada com muito orgulho!

Espero que minhas transições sirvam de inspiração para você! Essa é uma decisão muito difícil para todas as mulheres, porque está diretamente ligado a auto estima, mas ao mesmo tempo é libertador! Cada dia é uma superação, cada centímetro é comemorado com vitória e cada momento você se redescobre e se conhece mais.

Já fizeram transição capilar ou pensam em fazer? Nos conte tudo!

Beijos, beijos

(Visited 115 times, 1 visits today)